Vídeos do momento viralizaram na internet e mostram os animais mordendo alguns homens

(crédito: Reprodução: Twitter)
(crédito: Reprodução: Twitter)

Manifestantes antivacina se reuniram na Praça Museumplein, em Amsterdam, na Holanda, no último domingo (2/01), para protestar contra as medidas sanitárias impostas no país, como lockdown e cobrança de comprovante de vacinação para entrar em alguns locais.

Mas protesto não demorou para sair do controle e terminou com 30 presos e diversos manifestantes mordidos pelor cachorros da polícia da cidade. Um vídeo que viralizou nas redes sociais mostra um cão da raça pastor alemão atacando e ficando “grudado” no braço de um manifestante antivax.

Confira o momento:

De acordo com as forças de segurança do país, a manifestação foi ilegal porque estão proibidas grandes concentrações de pessoas. Os manifestantes presos foram enquadrados por alteração da ordem pública, posse de armas proibidas e desrespeito às forças de ordem. Pelo menos quatro agentes policiais ficaram feridos após o confronto com os manifestantes.

Holanda endureceu as medidas de combate ao coronavírus uma semana antes do natal, após o número de casos nos Países Baixos subirem para mais de 85 mil por dia. Desde então, serviços não-essenciais como bares, restaurantes, teatros e cinemas estão fechados. Menos de 70% da população está totalmente vacinada.

Com informações do CB