Criado a partir de emenda parlamentar, projeto do GDF incentiva juventude a empreender

Já estão disponíveis, no canal do YouTube, os vídeos do Projeto Jovem Protagonista, programa lançado em janeiro deste ano que está sendo executado pela Secretaria de Juventude do Distrito Federal (Sejuv) em parceria com o Instituto Mundial para as Relações Internacionais (IRwi). Novos conteúdos serão inseridos até novembro, por ocasião da Feira de Oportunidades, quando os parceiros do projeto oferecerão estágios, empregos, informações para a montagem de novos negócios ou startups, mentorias e oficinas.

Nos vídeos, empresários falam sobre suas experiências | Foto: Divulgação/Sejuv
Sei da importância dos referenciais para que nossos jovens possam se inspirar e assim tomar boas decisões que corroborem um futuro de sucesso”Luana Machado, secretária de Juventude

O Jovem Protagonista foi viabilizado por meio de emenda parlamentar do vice-presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), deputado Delmasso. O objetivo é incentivar, nos jovens da faixa de 15 a 29 anos, a iniciativa de empreender ações que lhes permitam desenvolver seus projetos de vida.

Para tanto, foram gravados vídeos em que empresários bem-sucedidos relatam suas experiências. Jovens que já obtiveram sucesso em iniciativas profissionais também participam dessa produção.

Luana Machado, secretária de Juventude, comemora o lançamento do projeto. “É com muita alegria que fazemos essa entrega para a juventude da cidade”, afirma a secretária de Juventude, Luana Machado. “Como secretária, tenho o compromisso com o governador Ibaneis Rocha e com a população do DF de promover e garantir a execução de políticas públicas pensadas para juventude; e, como cidadã e mãe, sei da importância dos referenciais para que nossos jovens possam se inspirar e assim tomar boas decisões que corroborem um futuro de sucesso.”

Dentro das vertentes de Empreendedorismo e Empregabilidade, as atividades do projeto se dividem nos pilares de Motivação, Capacitação e Oportunidade. As atividades vêm sendo desenvolvidas nos módulos virtuais e, quando possível, com todos os protocolos de saúde, também presenciais.

Com informações da Secretaria de Juventude