Distrital anunciou, nesta quarta-feira (16), que a partir de janeiro não ficará no cargo. GDF diz que 'ainda não há previsão' de novo nome.

deputado distrital Cláudio Abrantes (PDT) anunciou, nesta quarta-feira (16), que vai deixar a liderança do governo Ibaneis Rocha (MDB) na Câmara Legislativa (CLDF), a partir de janeiro de 2021. De acordo com o parlamentar, a decisão ocorre para que ele possa se dedicar à Comissão de Assuntos Fundiários (CAF) – na terça-feira (16), o distrital foi eleito para presidir a comissão.

Segundo a assessoria de Cláudio Abrantes, durante uma reunião no Palácio do Buriti, com o chefe do Executivo, o parlamentar justificou a decisão de deixar a liderança do governo. O deputado afirma ainda que deixa o cargo de líder, mas permanece na base do governo.

Questionado pelo G1, o Governo do DF disse que "ainda não há previsão" de um novo nome para assumir a liderança.

Rafael Prudente reeleito presidente da CLDF

Na foto, o deputado distrital Rafael Prudente (MDB) no plenário da Câmara Legislativa, em imagem de arquivo — Foto: Câmara Legislativa/Divulgação

Na foto, o deputado distrital Rafael Prudente (MDB) no plenário da Câmara Legislativa, em imagem de arquivo — Foto: Câmara Legislativa/Divulgação

Também na terça-feira, o deputado distrital Rafael Prudente (MDB) foi reeleito para a presidência da CLDF. Esta foi a primeira vez que o presidente se mantém o mesmo por dois mandatos consecutivos.

Até o ano passado, a reeleição era proibida na Casa pela Lei Orgânica do DF. No entanto, um projeto aprovado em novembro de 2019 permitiu a recondução ao cargo

Partido aciona STF para tentar anular reeleição de Rafael Prudente à presidência da Câmara Legislativa do DF

O diretório do PSDB no Distrito Federal acionou o Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar anular a reeleição de Rafael Prudente. A ação cita decisão da Corte que, no dia 6 de dezembro, vetou a reeleição dos presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal em uma mesma legislatura.