(crédito: Divulgação/Polícia Militar)

Investigação apura a hipótese de terrorismo. A oitiva do suspeito será fundamental para entender a motivação

Agentes da Polícia Federal prenderam, no começo da tarde desta segunda-feira (16), o motorista de um veículo que foi jogado contra a sede do Ministério da Justiça, na Esplanada dos Ministérios

De acordo com informações obtidas por fontes junto à Polícia Militar do DF e à PF pela reportagem, inicialmente as autoridades pensaram se tratar de um acidente, ao encontrar o veículo no espelho d'água do edifício por volta das 23h45 de domingo (15). No entanto, um pedaço de madeira foi encontrado no acelerador do veículo. Por isso, a linha de investigação mudou para suspeita de terrorismo.

O veículo teria sido alugado em uma empresa com sede na região do Aeroporto Internacional de Brasília. A partir do cadastro e de informações de uma perícia, foi possível identificar o suspeito. Ele será levado para a Superintendência da PF, no Setor Policial Sul.

As investigações começaram ainda na madrugada. Uma inspeção foi realizada em busca de explosivos, mas nenhum artefato foi encontrado.

Com informações do CB