Embaixador Akira Yamada entregou 8 mil equipamentos de proteção individual. Materiais serão usados pelos profissionais que estão na linha de frente

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal recebeu, nesta terça-feira (23), doação de equipamentos de proteção individual (EPIs) da Embaixada do Japão. Ao todo, foram entregues 5 mil máscaras cirúrgicas, 2 mil máscaras PFF2 e mil aventais de procedimentos. A entrega foi feita pelo embaixador do Japão, Akira Yamada, ao secretário de Saúde, Osnei Okumoto.

Os produtos reforçam o estoque de insumos da pasta para o combate da pandemia. Essas doações serão usadas pelos profissionais da rede pública que atuam na linha de frente no combate à covid-19. “É uma maneira de o nosso país contribuir com o DF neste momento difícil”, afirmou o embaixador Yamada. “Desejamos que essa condição de saúde passe logo”.

Por sua vez, Okumoto agradeceu o empenho dos japoneses. Segundo ele, a doação oferecerá mais condições de atendimento aos pacientes que hoje buscam tratamento no SUS. “Esperamos passar por esse pico de transmissão e infecção em breve. A doação é muito importante neste momento”, frisou o gestor público do DF.

Secretário Osnei Okumoto mostrou ao embaixador do Japão o quadro do atendimento de pacientes do Entorno | Foto: Bruno Esaki/Secretaria de Saúde

Demanda de Goiás

Ao embaixador Yamada, o secretário explicou o cenário atual enfrentado pelos profissionais de saúde do DF. De acordo com Okumoto, o agravamento do contágio ocorreu após o carnaval. “Tivemos uma curva vertical no índice de transmissão. Além disso, atendemos a uma demanda dos municípios de Goiás que fazem divisa com o DF”, contou. 

Hoje, segundo dados da Secretaria de Saúde, 45% dos pacientes internados no Hospital Regional do Gama são do Entorno. O índice chega a 41% no Hospital Regional de Santa Maria.

Vacinação

Okumoto explicou ainda como anda o ritmo de vacinação da população. Ao mostrar gráficos para o embaixador, o secretário informou que 213.284 pessoas já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no DF e 69.710 já receberam o reforço. As duas vacinas usadas no DF são a CoronaVac/Butantan/Sinovac e a Covishield/Oxford/AstraZeneca.

O embaixador Yamada mostrou-se otimista quanto à vacinação. Ele informou que o Japão iniciou a campanha de imunização em fevereiro e que, por lá, o governo também usa duas vacinas: a Pfizer e a Covishield. Aos 63 anos, o embaixador ainda espera sua hora de ser vacinado.

Participaram da solenidade a secretária adjunta de Saúde, Beatris Gautério de Lima; o conselheiro adido médico da Embaixada do Japão, Hiroyuki Okamoto; e o primeiro secretário da Embaixada do Japão, Hirochika Namekawa.

Com informações da Secretaria de Saúde