Nesta segunda-feira (4), a Câmara Legislativa do Distrito Federal realiza sessão solene remota em homenagem aos 60 anos da Associação Recreativa Cultural Unidos do Cruzeiro (Aruc), por iniciativa do deputado Reginaldo Sardinha (Avante). A homenagem começará a partir das 19h, com transmissão pela TV WEB CLDF e portal e-Democracia da CLDF.

Fundada em 21 de outubro de 1961, a Aruc é considerada Patrimônio Cultural do Distrito Federal e ponto turístico da Cidade. Sediada no Cruzeiro, a associação conta com departamentos de esportes e carnaval. Também é a maior vencedora dos desfiles de escola de samba do DF, tendo conquistado 31 títulos, sendo octacampeã consecutiva entre 1986 e 1993. 

Na justificativa da homenagem, Reginaldo Sardinha chama a atenção para a situação de insegurança jurídica vivida pela Aruc, que ocupa terreno no Cruzeiro desde 1974, mas ainda sofre com a falta de regularização da área. Isso ocorre porque o Tribunal de Justiça do DF declarou inconstitucionais as Leis Distritais 5.730/2016 e 5.841/2017, que dispõem sobre a cessão de bens públicos a particular ou outros órgãos da administração, seja a título gratuito ou oneroso. 

“Embora ainda caiba recurso por parte do GDF, a Aruc encontra-se em uma situação de insegurança jurídica, bem no ano em que a agremiação, registrada como Patrimônio Cultural Imaterial do Distrito Federal, completa 60 anos de história”, lamenta o distrital. 

Luís Cláudio Alves - Agência CLDF