Parceria entre Secretaria de Saúde e Instituto Sabin leva melhorias ao Cepav Tulipa, entre elas a criação de uma ludoteca

Uma parceria entre a Secretaria de Saúde do Distrito Federal e o Instituto Sabin levou melhorias ao Centro de Especialidade para Atenção às Pessoas em Situação de Violência Sexual, Familiar e Doméstica, mais conhecido como Cepav Tulipa, que fica no Centro de Múltiplas Atividades, em São Sebastião.

Parede com desenhos lúdicos e brinquedos deram origem a uma ludoteca, um recurso importante para o manejo das situações clínicas tratadas no Cepav Tulipa | Fotos: Divulgação

A partir de uma reforma, o espaço vai proporcionar mais conforto para os pacientes e profissionais que trabalham no local. As melhorias incluíram a instalação de um aparelho ar-condicionado, cortinas, parede com desenhos lúdicos e aquisição de brinquedos, dando ao Cepav uma ludoteca.

Trabalhamos numa situação muito difícil dos nossos usuários e pacientes, e ter um ambiente aprazível, um ambiente acolhedor, certamente atenua o sofrimento com o qual a gente lida

Por conta da pandemia da covid-19, a entrega do espaço, que ocorreu nesta semana, foi restrita aos profissionais do Cepav. A chefe do Cepav da Região de Saúde Leste, Márcia Marques Vieira, comemorou a entrega da ludoteca, que, segundo ela, é um recurso importante para o manejo das situações clínicas.

Também é importante lembrar que o Cepav Tulipa manteve ininterrupto o atendimento aos pacientes que necessitam dos serviços prestados pelo centro de atendimento.

“Entusiasma muito este momento, porque trabalhamos numa situação muito difícil dos nossos usuários e pacientes, e ter um ambiente aprazível, um ambiente acolhedor, certamente atenua o sofrimento com o qual a gente lida. O Cepav Tulipa celebra este momento com muita alegria e otimismo e renova o nosso desafio”, frisa a gestora.

Já é o segundo espaço desse tipo que recebe melhorias na estrutura na Região de Saúde Leste. Em maio deste ano, o Cepav Girassol, localizado no Hospital da Região Leste (HRL), também foi contemplado. Na ocasião, o secretário de Saúde, Osnei Okumoto, e a secretária-adjunta de Assistência à Saúde, Raquel Beviláqua, visitaram o local.

Para a diretora da Atenção Secundária, Jane Sampaio, o trabalho é excepcional. “Agradecemos a equipe Tulipa por se doar e permitir que cuidemos de um grupo tão vulnerável, com suas histórias individuais de violência doméstica. A parceria com o Sabin nos instrumentalizou com a ludoteca e ainda com a importante oportunidade de aprimoramento por meio de uma plataforma EAD”, salienta.

Em 2020, o Cepav Tulipa realizou 564 atendimentos psicossociais. Em 2021, somente de janeiro a junho, foram realizados 410 (158 do Serviço Social e 252 da Psicologia), enquanto no ano passado foram 376 no mesmo período.

Com informações da Secretaria de Saúde do DF