Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019
Mundo

Dia dos mortos no México: entenda os detalhes da festa

Publicada em 05/11/19 às 22:02h - 15 visualizações

por Portal de Comunicação do Onildo Alves


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: Portal de Comunicação do Onildo Alves )

Entre os principais símbolos do tradicional evento estão os pratos com guacamole, as caveiras e os altares de oferendas

Dia dos Mortos é celebrado no México, sempre em 2 de novembro, com festas, danças, comidas e bebidas. Tudo pensado para cada família poder honrar seus entes queridos já falecidos.

A comida mais tradicional da data é o Pão dos Mortos, um preparo doce coberto de açúcar e que pode ser recheado ou feito com raspas de laranja salpicadas por cima.

É lógico que o guacamole está presente. A iguaria feita com o abacate (o avocado nacional) é onipresente e aparece sendo servida nas entradas, saladas, sanduíches e pratos fuertes (principais). Só perdendo para o chilli (pimenta), que realmente não falha em nada que se deguste.

Outra presença constante é do mole, molho denso à base de chilli, chocolate, amêndoas e especiarias.

Outra tradição linda são os altares de oferendas. É possível encontrar de todos os tamanhos, e eles estão em todo tipo de local, desde lojas até pátios internos de restaurantes e hotéis.

Os mais elaborados representam os vários níveis das etapas necessárias para alcançar o descanso eterno. No alto do arco, geralmente, há uma entrada simbólica para o mundo dos mortos. Nestas produções são colocadas fotos dos mortos homenageados, comida, bebidas, velas e caveiras de diversos formatos e cores, inclusive feitas de chocolate, fazendo uma alusão à morte de uma forma mais agradável e descontraída.

A cidade de Oaxaca é um dos locais com maior concentração de festas e desfiles. E foi lá que passei uma noite, em um cemitério, com minha esposa, minha irmã e amigos, homenageando nossos mortos.

Sentados junto ao mausoléu de uma família desconhecida, ouvimos música, conversamos e rimos, enquanto comíamos o Pão dos Mortos e brindávamos com um excelente mezcal reposado (envelhecido em barris de carvalho) oferecido pela querida Madame F.

Fonte:Metrópoles




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 61 98256-9400

Visitas: 1384141
Usuários Online: 26
Copyright (c) 2019 - Portal de Comunicação do Onildo Alves